facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 19 de Julho de 2024
19 de Julho de 2024

29 de Outubro de 2017, 17h:36 - A | A

GERAL / NO RIO VERMELHO

Bombeiros fazem buscas por homem que desapareceu após mergulhar

A equipe composta por dois mergulhadores e um piloto de embarcação, está no local desde o início da tarde de sábado realizando as buscas.

CAMILA PAULINO
DA REDAÇÃO



Mergulhadores do Corpo de Bombeiros procuram pelo corpo de Valdinei Pereira da Silva, de 26 anos, que desapareceu no Rio Vermelho, próximo à Rodovia do Peixe, na tarde de sábado em Rondonópolis (212 km ao Sul de Cuiabá).

De acordo com a nota emitida pelo Corpo de Bombeiros da cidade, a equipe composta por dois mergulhadores e um piloto de embarcação, está no local desde o início da tarde de sábado realizando as buscas.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

As buscas não podem ser feitas no período da noite, portanto os trabalhos foram encerrados ao anoitecer e retomados na manhã deste domingo (29) e seguem até às 18h.

De acordo com relatos de testemunhas, a vítima estava no rio com familiares, quando mergulhou e não voltou mais para a superfície.

Outros casos

No dia 23 de outubro, o Corpo de Bombeiros encontrou o corpo do adolescente Alysson Nascimento de Sá, de 14 anos, que se afogou no Rio Teles Pires, na Gleba Mercedes, a cerca de 90 quilômetros de Sinop (500 km de Cuiabá) na noite do dia 22.

O amigo, que pescava junto, ainda tentou socorrer a vítima, mas não conseguiu. O corpo do adolescente afundou no rio e desapareceu.

Dois dias antes, bombeiros localizaram o corpo da adolescente Helena Cristina dos Santos, de 16 anos, que estava desaparecida, após se afogar no Rio Paraguai em Barra do Bugres (169 km de Cuiabá).

O corpo foi encontrado a cerca de dois quilômetros do local do afogamento.

No dia 11 de outubro, o jovem Éder Gonçalves Bonfim, 22 anos, morreu afogado durante uma pescaria no Rio Buritis, em Sapezal (480 km a Noroeste de Cuiabá). Ele pescava com um amigo, quando pisou em uma madeira podre de um tablado e caiu dentro do rio.

O corpo dele foi encontrado por mergulhadores bombeiros no dia seguinte.

Dados

Dados da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), apontam que 19 crianças (de 0 a 11 anos) morreram vítimas de afogamento de janeiro a setembro deste ano em Mato Grosso. O número é 90% superior ao mesmo período do ano passado, quando 10 ocorrências foram registradas.

No geral, foram registradas 60 mortes por afogamento, nos 10 primeiros meses de 2017.

Leia mais

Bombeiros encontraram corpo de adolescente que se afogou durante pescaria

Jovem morre afogado após cair de tablado no Rio Buritis

Bombeiros encontraram corpo de garota que se afogou no Rio Paraguai

Corpo de fazendeiro é localizado próximo a pesqueiro de Sapezal

Crianças são principais vítimas; números são 90% maiores em 2017

 

Comente esta notícia