facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 19 de Junho de 2024
19 de Junho de 2024

06 de Junho de 2024, 18h:50 - A | A

ENTREVISTA / NOVOS TRATAMENTOS

Pesquisa da UFMT indica que leite materno pode prevenir câncer de mama

As pesquisas mostram que mães que amamentaram mais estão menos sujeitas a desenvolverem o câncer de mama se comparado às mães que amamentaram menos

KARINE ARRUDA
DO REPÓRTER MT



O leite materno é considerado o alimento mais rico e completo do mundo. Mas, além de fornecer os nutrientes necessários para a sobrevivência dos bebês, você sabia que ele também é responsável por prevenir doenças e garantir uma melhor qualidade de vida às mamães? Exato. Um estudo que vem sendo feito por pesquisadores da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) tem indicado, inclusive, que a amamentação pode prevenir o câncer de mama.

A pesquisa analisa os componentes do leite materno e o seu potencial terapêutico para a prevenção ou tratamento de doenças, em especial o câncer de mama. Em entrevista ao RepórterMT, a doutora Adenilda França, que é professora do Instituto de Ciências da Saúde da UFMT, contou sobre o projeto e explicou como os elementos presentes no leite ajudam a evitar o surgimento de tumores na mama.

“Em termos específicos da proteção contra o câncer, a gente tem mostrado que tanto o hormônio melatonina quanto esse anticorpo IgA, que está em alta concentração no leite, têm mostrado efeito anti-tumor, especificamente tumor de mama”, ressaltou.

Veja trecho da entrevista:

Confira o bate-papo completo:

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Comente esta notícia