facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 19 de Junho de 2024
19 de Junho de 2024

19 de Maio de 2024, 17h:45 - A | A

ENTREVISTA / DONAS FORAM INDICIADAS

Mãe do bebê Vicente sobre proprietária de creche em VG: “Ela queria a todo momento me manipular falando que era minha culpa”

Karine Camargo ainda teve que ouvir que deveria ter procurado o médico outras vezes, quando a criança apresentou sintomas de virose

KARINE ARRUDA
DO REPÓRTERMT



Foi concluído na sexta-feira (17), o inquérito sobre a morte do bebê Vicente Camargo, ocorrida no mês passado, em Várzea Grande. A investigação resultou no indiciamento de duas proprietárias da creche Espaço Criança Feliz por homicídio culposo, quando não há intenção de matar. Uma das donas, conforme comprovou a Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), bateu a cabeça de Vicente em uma quina de mármore, de forma acidental.

A mãe do bebê, Karine Camargo, relembra das coisas que teve que ouvir quando o inquérito ainda não havia sido concluído, dentre elas que era culpada pela morte do próprio filho.

“Ela queria a todo momento me manipular falando que era minha culpa”, relata em entrevista ao RepórterMT, em referência a uma das proprietárias.

Confira trecho:

Assista a entrevista na íntegra:

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Comente esta notícia

Leandro Canani de Almeida 21/05/2024

No Brasil estas coisa que por irresponsabilidade causam morte e sofrimento , não deveriam ser tratadas com culposo e com tanta bondade jurídica neste caso deveriam ser presas e a creche fechada e lacrada .presas em regime fechado por muito muito tempo.

positivo
2
negativo
0

Mauro 19/05/2024

Se fosse em um país sério onde a justiça e pior do que uma zona ,essas mulher tava presa , e muito bem presa ,,,aqui homicídio culposo ,isso e um tapa na cara dessa mãe ,,

positivo
9
negativo
1

2 comentários

1 de 1