Cuiabá, 04 de Julho de 2022
logo

Terça-feira, 21 de Junho de 2022, 18h:39 - A | A

LUTO NA IMPRENSA

Morre jornalista Eraldo Lima, aos 62 anos, por complicações após AVC

DO REPÓRTER MT

Faleceu nesta terça-feira (21), aos 62 anos, o jornalista Eraldo Lima, em Várzea Grande, por complicações após um acidente vascular cerebral (AVC). Ele estava internado desde o início de junho no Pronto-Socorro Municipal de Várzea Grande.

Renomado profissional, Eraldo acompanhou por décadas os bastidores da política mato-grossense. Em 2011, foi eleito presidente da Associação Várzea-grandense de Imprensa (AVI) e atuou por anos como diretor do jornal Correio Várzea-grandense, deixando um legado de compromisso à prestação de serviço por meio da comunicação social.

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, e o governador Mauro Mendes, emitiram notas de pesar pela partida do profissional.

“É com profundo pesar que essa notícia nos chega. Um homem que deixa um legado de dedicação ao jornalismo, à informação bem apurada. Que o nosso senhor Bom Jesus de Cuiabá possa dar conforto aos corações dos familiares em um momento de dor excruciante”, lamentou o prefeito Emanuel Pinheiro.

“Eu e minha esposa, Virginia, lamentamos a perda e ficaremos em oração para que Deus possa dar conforto aos corações dos familiares e amigos”, escreveu o governador Mauro Mendes.

Eraldo deixa a esposa, a também jornalista Cida Capelassi, e dois filhos.

Os locais do velório e enterro ainda não foram confirmados.

Toda a equipe do RepórterMT reconhece o grande valor de Eraldo para o jornalismo mato-grossense e lamenta sua partida, assim como destaca os votos de profundo pesar à colega Cida Capelassi.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

>>> Receba notícias no Telegram e fique bem informado

Comente esta notícia