Cuiabá, 02 de Julho de 2022
logo

Quarta-feira, 26 de Outubro de 2011, 08h:56 - A | A

CRECHES

Estado e município não param com o famoso jogo de empurra

A peregrinação acabou em frente das creches estaduais. Os pais das crianças que acamparam nas escolas conseguiram a vaga. Eles ficaram quase uma semana se revezando entre os familiares. É preciso tanto esforços assim?  O estado tem por obrigação básica oferecer o ensino. É preciso novas vagas. Novas unidades escolares. Quanto ao ensino (a qualidade) deixamos de lado.

O que não pode acontecer é a gestora de uma delas simplesmente dizer: a gente não tem condições de atender. Vamos passar para o município. Sabe aquele jogo de empurra. É sempre assim quando não consegue lhe dar com o problema transfere-o para alguém, ou seja, se isenta. Os gestores tratam do sistema na base do ‘emburra com a barriga’. Cadê nossas responsabilidades?

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

>>> Receba notícias no Telegram e fique bem informado

Comente esta notícia