Cuiabá, 30 de Junho de 2022
logo

Segunda-feira, 24 de Outubro de 2011, 08h:44 - A | A

COPA 2014

Cuiabá receberá R$ 180 mi para obras de travessia urbana

Os recursos são do Dnit e a assinatura do convênio está prevista para os próximos dias em Brasília

DA REDAÇÃO

Cuiabá fica no entroncamento de três rodovias federais BRs 364/163/070, que compreende as avenidas Fernando Correa, Miguel Sutil e FEB. As intervenções que vão ocorrer nestes trechos para atender a demanda da Copa do Mundo 2014 são consideradas obras de travessia urbana. Para a execução dessas obras o Governo Federal vai investir R$ 180 milhões do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). A assinatura do convênio está prevista para os próximos dias em Brasília (DF).

As obras que irão ser contempladas com o recurso federal são: Complexo Viário do Tijucal (Trincheira/Viaduto); Trincheira na Av. Miguel Sutil - Rótula da Av Trabalhadores/Av. Jurumirim; Viaduto na Av. Miguel Sutil - Rua Pres. Afonso Pena (Trevo do Despraiado); Adequação da rotatória da Av. Miguel Sutil - Centro de Eventos Pantanal; Trincheira na Av. Miguel Sutil - Av. Antárctica (Trevo do Santa Rosa); Adequação viária da Av. Miguel Sutil (rotatória Círculo Militar); Trincheira na Av. Miguel Sutil - Av. Agrícola Paes de Barros (Trevo do Verdão) e viaduto Orlando Chaves - acesso ao Cristo Rei.

O assessor técnico da Secopa e coordenador de Mobilidade Urbana, engenheiro Rafael Detoni, apresentou durante o Road Show - evento promovido pelo Sindicato Nacional das Empresas de Arquitetura e Engenharia (Sinaenco) - em Cuiabá, os projetos e andamento das obras de mobilidade urbana.

Estão em andamento as obras de desbloqueio na avenida Jurumirim (prolongamento e pavimentação), construção da ponte sobre o córrego Gumitá, duplicação da avenida Juliano Costa Marques, duplicação da ponte Mário Andreazza, pavimentação da avenida Mário Palma (Ribeirão do Lipa), avenida Três Cruzes e Estrada do Ribeirão.

O projeto do modal de transportes Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) também foi apresentado no evento. Com previsão de início das obras em maio de 2012 e conclusão em dezembro de 2013, os corredores estruturais de transporte coletivo são: CPA/Aeroporto e Coxipó/Centro. (Com Assessoria Secopa)

Comente esta notícia