facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 22 de Maio de 2024
22 de Maio de 2024

26 de Junho de 2010, 16h:01 - A | A

POLÍTICA /

"Juntaram time A com time B", diz Antero sobre Mendes e Silval



Da Redação - Jardel Arruda e Thalita Araújo

O ex-senador Antero Paes de Barros (PSDB) afirmou que o fim do movimento Mato Grosso Muito Mais e uma possível candidatura de Mauro Mendes (PSB) como vice-governador de Silval Barbosa (PMDB) significa o fim de uma farsa de ‘lados opostos’ e ainda declarou confiar na vinda do PPS para a coligação entre DEM-PSDB-PTB.

“Não muda nada (suposta desistência de Mendes). Só terminou a farsa de que lá existiam lados opostos”, analisou, em entrevista a imprensa, logo na chegada ao Ginásio Verdinho, onde está sendo realizada a convenção partidária do PSDB.

“O que acontece é que lá era time A e time B. Agora eles resolveram juntar os times”, avaliou. Para ele, a única conseqüência é a vinda do PPS para o projeto do PSDB, tal como ocorre em nível nacional. “Acreditei na vinda do PPS desde o começo. Agora isso deve se concretizar”.

Em seguida, Paes de Barros caminhou sobre o tapete azul que leva ao palanque ‘empurrado’ por militantes, ladeado por Rogério Sales e pelo pré-candidato a deputado federal Nilson Leitão (PSDB) enquanto explodia uma chuva de fogos de artifícios.

Em seu discurso, o ex-senador fez um discurso baseado nos mandatos que teve como deputado federal e senador. Lembrou de leis da qual foi autor, como a do voto aos 16 anos e a da licença maternidade.

Comente esta notícia