facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 20 de Maio de 2024
20 de Maio de 2024

28 de Outubro de 2010, 10h:43 - A | A

POLÍCIA /

Sinop: perícia conclui em 4 dias laudo sobre homem decapitado



Só Notícias/José Carlos Araújo

 

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Peritos do Instituto de Criminalística devem concluir, até a próxima segunda-feira, o laudo sobre o bárbaro assassinado do operador de máquinas Juarez Rodrigues, 26 anos, encontrado, decapitado, por familiares, e enterrado próximo do Rio Nandico, 40 quilômetros de Sinop, no último sábado (23). A confirmação foi feita, ao Só Notícias, pelo perito Leandro Valendorf, responsável pela necropsia. Ele disse que o material necessário para o exame já foi colhido pelo Instituto Médico Legal (IML). Valendorf disse ser provável que os supostos assassinos tenham usado faca ou um facão para decapitar o trabalhador.

Há poucos dias, uma faca encontrada próximo ao local do crime, foi enviada pelos investigadores aos peritos. Eles analisam se haveria sangue na lâmina. O resultado do laudo pericial pretende ajudar também nas investigações que estão sendo conduzidas pela delegacia de Polícia Civil.

Conforme Só Notícias já informou, o pedido de prisão temporária do cabo PM César Fernandes Ventura e do soldado José Paulo Silva e Souza, investigados no caso após terem feito a prisão Juarez Rodrigues, em um clube, em Santa Carmem. O delegado Joacir Batista dos Reis, que preside o inquérito e ouviu depoimentos dos polciais, expôs que o pedido tem como objetivo proporcionar "melhores condições para investigação" e "que não sejam criadas falsas provas para tentar desviar o focos das investigações", disse o delegado.

O delegado confirmou que vai ouvir, novamente, três testemunhas que depuseram, semana passada.

 

Comente esta notícia