facebook instagram twitter
Cuiabá, 26 de Março de 2023
logo
26 de Março de 2023

18 de Março de 2023, 11h:37 - A | A

PODERES / CAOS NA SAÚDE

Janaina: Corrupção em Cuiabá é mais grave que "Era Silval" e VG está sobrecarregada

Parlamentar lembrou que prefeito do interior já foi cassado por fatos semelhantes aos de Cuiabá

RAFAEL COSTA
DO REPÓRTER MT



A deputada estadual Janaína Riva (MDB) declarou essa semana, durante debate sobre a intervenção na Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa, que os fatos de corrupção na saúde pública de Cuiabá, durante a gestão do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB), "são mais graves que os esquemas de corrupção do ex-governador Silval Barbosa", que permaneceu dois anos presos, após encerrar o mandato à frente do Palácio Paiaguás, em 1º de janeiro de 2015.

"O quanto é grave o que está acontecendo em Cuiabá: na época do ex-governador Silval Barbosa, nós tivemos vários ex-secretários presos, nenhum deles era de saúde. Nunca se viu o que aconteceu na Prefeitura de Cuiabá", disse.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

A parlamentar ainda prosseguiu, destacando que não existe na história recente de Mato Grosso suspeitas de corrupção tão graves numa área essencial à população, como é o caso da saúde pública.

"É inédito em todos os sentidos. A única vez que tivemos um escândalo semelhante de corrupção, com desvios de remédios e pagamentos a fornecedores de Cuiabá, culminou na cassação de um prefeito do interior. Nós estamos falando da Capital de Mato Grosso. O município de Várzea Grande absorve uma demanda 40% maior comparado ao último mês. As pessoas estão trocando Cuiabá por Várzea Grande na saúde pública. O sistema de saúde está se colapsando em Várzea Grande e sobrecarregando a administração estadual por conta dos desmandos de Cuiabá", disse.

Janaina Riva também disse que "determinadas pessoas" preferiram se desligar da gestão da saúde pública de Cuiabá do que atender às ordens de desmandos que culminaram em corrupção.

"Não são todos os ex-secretários de Cuiabá que se curvaram aos mandos. E aí cabe a Polícia Civil, Ministério Público e Judiciário identificar de quem eram as ordens dadas, mas nós tivemos secretários que decidiram pedir para sair. Vou registrar a presença da mulher negra e forte Ozenira Félix, que preferiu sair do que se sujeitar aos esquemas da Prefeitura de Cuiabá", concluiu.

Comente esta notícia

Salas 18/03/2023

Olhe para a própria cauda antes de abrir a boca e fazer discursos sem ajudar a resolver os problemas.

1 comentários

1 de 1