Cuiabá, 16 de Agosto de 2022
logo

03 de Agosto de 2022, 16h:40 - A | A

PAPO RETO / ESQUERDA ÀS CEGAS

Márcia reluta em ser candidata ao governo e oposição adia anúncio

DO REPÓRTER MT



A Federação Brasil da Esperança composta pelo Partido Verde (PV), Partido dos Trabalhadores (PT) e Partido Comunista do Brasil (PCdoB), cancelou na tarde desta quarta-feira (03), o anúncio de quem seria candidato do grupo para disputar o Comando do Palácio Paiaguás contra o governador Mauro Mendes (União Brasil).

A coletiva foi convocada pelo grupo e estava marcada para as 15h, no Hotel Deville localizado no Centro de Cuiabá e a expectativa era de que o nome a ser lançado fosse o da primeira-dama de Cuiabá, Márcia Pinheiro (PV).

Entretanto, ela estaria relutante em aceitar disputar o pleito em outubro. Agora, as conversas continuam e a previsão é o anúncio deva ser feito no final da tarde de quinta-feira (04).

Márcia era cotada para ser suplente de Neri Geller ao Senado, mas a pressão sobre ela aumentou desde que o senador Carlos Fávaro se negou a disputar o Governo do Estado.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

>>> Receba notícias no Telegram e fique bem informado

Comente esta notícia

Roberto 04/08/2022

Ainda se fosse o Emanuel Pinheiro acho que a surra seria menor, mas…. Em se tratando da esposa a coisa vai ser feia ! Se fosse ela não faria isso pois vai acabar de afundar de vez a família políticamente

1 comentários

1 de 1