facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 18 de Julho de 2024
18 de Julho de 2024

28 de Dezembro de 2017, 10h:49 - A | A

GERAL / REFLEXO DA INFLAÇÃO

Prefeitura reajusta valor de imóveis e IPTU sobe 2,7% em Cuiabá

A Planta de Valores Genéricos serve de base para o cálculo do IPTU e foi reajustada conforme a inflação do período entre os meses de novembro de 2016 a outubro de 2017.

CAROL SANFORD
DA REDAÇÃO



A Prefeitura de Cuiabá reajustou em 2,7% o valor da Planta de Valores Genéricos, o que impacta no pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) para o próximo ano. O decreto foi publicado no Diário Oficial de Contas desta quinta-feira (27).

A Planta de Valores Genéricos serve de base para o cálculo do IPTU e foi reajustada conforme a inflação do período entre os meses de novembro de 2016 a outubro de 2017, apurada pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Conforme o decreto, “ficam atualizados os valores venais do metro quadrado de terreno e de construção previstos na Planta de Valores Genéricos do Município”. Os valores foram disponibilizados no Diário de Contas.

O decreto não alterou a alíquota do IPTU, que permanece sendo de 0,4% para casas e apartamentos, residenciais ou comerciais, e de 2% para os terrenos.

O pagamento do imposto foi regulamentado também por meio de decreto, assinado pelo prefeito Emanuel Pinheiro (PMDB), na última semana. A cobrança será feita a partir de março de 2018, podendo ser paga em parcela única, ou dividida em oito vezes, desde que o valor da parcela não seja inferior a R$ 51,39.

O pagamento integral terá desconto de 10% e deverá ser quitado até o dia 11 de abril.

Comente esta notícia