Cuiabá, 04 de Julho de 2022
logo

Quinta-feira, 23 de Junho de 2022, 10h:55 - A | A

SE FERIU AO CORTAR ÁRVORE

Morador de Poconé é transportado para HMC de helicóptero após acidente

Luis Bueno, de 47 anos sofreu acidente ao cortar uma árvore com mais de dez metros de altura.

DO REPÓRTER MT

Um morador de Poconé (117 km da Capital), identificado como  Luis Bueno, de 47 anos, precisou ser transportado de helicóptero para o Hospital Municipal de Cuiabá, após sofrer um acidente ao cortar uma árvore com mais de dez metros de altura.

O trabalhador contou que um galho da árvore acertou seu rosto. "Fiquei caído por um tempo e depois consegui pedir ajuda. Foi então que me levaram à unidade de saúde, que acionou o Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) para realizar o transporte aéreo até o Hospital Municipal de Cuiabá”, contou o trabalhador braçal.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

>>> Receba notícias no Telegram e fique bem informado

Lucimar Cerqueira, responsável técnica do setor de urgência e emergência do HMC, relatou que o paciente foi acolhido na unidade com hematomas e escoriações na face. “Ele foi medicado, fez exames de imagens e laboratoriais e passou por avaliação da neurologia e do bucomaxilo”, revelou.

Paulo Rós, diretor-geral do HMC, informou que o heliponto foi criado na gestão Emanuel Pinheiro, com o objetivo de garantir maior agilidade na condução de pacientes que estão em locais de difícil acesso e em estado grave até o hospital.

“O HMC é referência na qualidade e humanização dos serviços. A unidade recebe alta demanda de pessoas de outros municípios, que buscam por atendimento. Em média, 40% dos atendimentos são de pacientes advindos de outras cidades do interior do estado”, ressaltou o diretor.

O HMC é o maior e mais moderno hospital público de Mato Grosso e o único com heliponto. O setor de urgência e emergência da unidade atendeu entre os meses de janeiro a junho deste ano mais de 15 mil pacientes.

Comente esta notícia