facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 20 de Junho de 2024
20 de Junho de 2024

07 de Novembro de 2022, 20h:00 - A | A

GERAL / MENSAL OUTUBRO

Governo distribui R$ 550 mil em sorteio do Nota MT nesta quinta-feira (10)

Concorrem aos prêmios os contribuintes que pediram o CPF nas compras realizadas entre os dias 1º e 31 outubro

DO REPÓRTER MT



O sorteio mensal do Programa Nota MT, referente ao mês de outubro, será realizado nesta quinta-feira (10.11), às 9h, e vai distribuir R$ 550 mil em premiações. Todos os consumidores cadastrados no Nota MT e que colocaram o seu CPF nas compras feitas entre os dias 1º e 31 de outubro estarão concorrendo a mil prêmios de R$ 500 e cinco de R$ 10 mil.

Os contemplados serão divulgados, ao vivo, nas redes sociais da Secretaria de Fazenda (Sefaz) e do Governo de Mato Grosso. O resultado também fica disponível no site e aplicativo do Nota MT, logo após o encerramento do sorteio, que será realizado na sede da Sefaz.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Para o sorteio mensal de outubro foram gerados 2.238.315 bilhetes eletrônicos. Esses bilhetes são oriundos dos documentos fiscais emitidos com o CPF do consumidor, como os bilhetes eletrônicos de passagens intermunicipais e interestaduais (BP-e) e as notas fiscais eletrônicas (NF-e) e de consumidor eletrônica (NFC-e). Ao todo, cerca de 350 mil cidadãos concorrem às premiações.

O Nota MT já premiou mais de 35 mil cidadãos que, juntos, receberam R$ 19.485.000,00. Também já foram beneficiadas com 20% dos prêmios sorteados, 207 instituições filantrópicas. O montante já repassado a elas é de R$ 4.583.400,00.

A escolha da entidade social que receberá 20% da premiação é feita no momento do cadastro. Esse lado social do Nota MT tem sido fundamental para a manutenção das instituições, pois o dinheiro ajuda no custeio de despesas, manutenção e/ou pagamento de dívidas. Até o momento, o Programa possui 221 entidades cadastradas e ativas em seu banco de dados e que podem ser indicadas pelo cidadão.

Comente esta notícia