Cuiabá, 06 de Outubro de 2022
logo

02 de Dezembro de 2013, 09h:00 - A | A

POLÍCIA / SUPOSTO SEQUESTRO

Piloto não faz procedimentos, \'esquece\' passageiros, decola sem rumo e desaparece

Piloto foi visto pela última vez no domingo (01), quando decolou do aeroporto de Juína. ‘Pium’ não realizou procedimentos legais, antes de iniciar a viagem.

JOÃO RIBEIRO
DA REDAÇÃO



A Polícia Civil está investigando o desaparecimento do piloto de avião, Paulo Cézar Azoia Bertoini, também conhecido como ‘Pium’, de 30 anos. Ele foi visto pela última vez na manhã deste domingo (01), decolando do aeroporto de Juína (600 km de Cuiabá), em uma aeronave Cesna, prefixo PP, com capacidade para cinco pessoas.

Ao Repórter MT, um investigador da PC disse que a atitude do piloto foi suspeita. já ele não teria realizado os procedimentos legais, antes de iniciar decolagem. “Ele não fez o check int e decolou sem os passageiros que iriam para Cuiabá”, explicou.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Conforme o investigador, o piloto também não acionou o sistema de transponder (GPS) da aeronave, dificultando a sua localização. “Além disso, a base em Cuiabá, onde era o destino do piloto, não recebeu nenhuma informação sobre a viagem, levantando ainda mais suspeitas”, disse.

A Polícia trabalha com a hipótese de sequestro. O delegado Rodrigo Costa Rufato, resposável pelo caso, já começou a ouvir algumas pessoas próximas ao piloto.

O sumiço do piloto foi comunicado à Polícia Civil, pela mãe dele, a senhora Brígida Azoia Bertocini.

Comente esta notícia