Cuiabá, 02 de Outubro de 2022
logo

18 de Novembro de 2013, 10h:19 - A | A

POLÍCIA / INFÂNCIA PERDIDA

Menor assalta loja de posto; é baleado por cliente e morre

Criminoso foi baleado no peito quando anunciou o assalto. Ferido, ele ainda tentou fugir, mas caiu com a moto a 100 metros do local

DA REDAÇÃO



Um adolescente de 17 anos morreu com um tiro no peito após tentar assaltar uma loja de conveniência de um posto, no bairro Parque Universitário, em Rondonópolis (220 km de Cuiabá). O homicídio ocorreu neste domingo (17), por volta das 22h30.

Segundo informações da Polícia Militar, Anderson Pereira dos Santos Oliveira, chegou no local montado em uma moto, com outros cinco comparsas, em três motocicletas.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Quando o menor anunciou o assalto, um cliente do posto sacou uma arma, atirou no criminoso e depois fugiu. Ferido, Anderson deu vários disparos no local e fugiu na moto, porém caiu a 100 metros de distância do posto e morreu.

Com a reação do cliente os outros criminosos fugiram. A PM fez rondas na região, mas não conseguiu prendê-los.

A polícia espera que o autor do disparo se apresente a Justiça nesta segunda-feira (18). Não se tem informação se ele é policial.

CRIMINALIDADE EM ALTA

 

Reprodução

Criminoso morto dentro do carro, usado para fuga.

Nos últimos meses a criminalidade no município só tem aumentado. A PM matou um bandido e baleou o comparsa dele no final de outubro. Luiz Fernando Vilas Boas, de 23 anos e Renato da Cruz, de 38 anos, haviam assaltado uma loja de bebidas, na Avenida Ponce de Arruda, no Centro da cidade, quando foram localizados por uma guarnição da PM . Durante a fuga, os criminosos atiraram na viatura, por isso, os policiais foram obrigados a revidar.

Na troca de tiros o motorista Renato foi atingido. Ele perdeu o controle da direção e bateu em um morro de areia. Já Luiz foi encontrado morto no banco do passageiro. 

No início do mês, Jerry Anderson Cardoso da Costa, de 24 anos, foi preso acusado de matar duas pessoas, que tiveram os corpos carbonizados dentro de um Gol, em uma região isolada de Rondonópolis. Ele foi preso ainda com uma pistola calibre 9mm e duas porções de cocaína. Além de uma grande porção de ácido bórico, utilizado no preparo da droga.

Segundo a Polícia Civil, as investigações sobre os dois assassinatos levaram até o criminoso. Ele teria matado João Eupidío Pereira dos Santos, de 22 anos e Vagner Resende de Andrade, de 28 anos para roubar R$ 4 mil de uma das vítimas. Conforme testemunhas, as vítimas eram todas amigas.

Os corpos das vítimas foram encontrados no dia 15 de outubro, na região conhecida por “Campo Limpo”, a 05 quilômetros do perímetro urbano de Rondonópolis. As vítimas forma mortas a tiros na cabeça, amarradas e os corpos colocados no porta-malas de um veículo, Gol, incendiado.

Comente esta notícia