Cuiabá, 09 de Agosto de 2022
logo

24 de Dezembro de 2017, 16h:41 - A | A

PAPO RETO / ÍCONE DA ROUBALHEIRA

Silval Barbosa volta à cena em fevereiro e depõe sobre propinas

DA REDAÇÃO



O ex-governador Silval Barbosa volta às cenas de depoimento em fevereiro, quando deve depor em CPI na Câmara de Vereadores de Cuiabá, sobre as denúncias de distrinuição de propina a deputados e ex-deputados, que segundo ele, eram subornados para apoiar sua gestão.

O depoimento de Silval ocorre no processo de investigação movido pela Câmara sobre a conduta do prefeito Emanuel Pinheiro (PMDB), que à época era deputado e assim como outros aparece em vídeo recebendo dinheiro das mãos de Silvio Correa.

O ex-chefe de gabinete de Silval, Silvio Correa também deve prestar depoimento.

Silval Barbosa será ouvido no dia 23 de fevereiro e Sílvio Correa no dia 16. 

Mesmo assinando acordo de delação premiada, o ex-governador de foi condenado a 13 anos e sete meses de prisão pela juíza Selma Rosane Arruda, da 7ª Vara Criminal de Cuiabá.

 

Os crimes imputados a ele são de: organização criminosa, concussão (vantagem indevida ou propina) e lavagem de dinheiro.

 

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

>>> Receba notícias no Telegram e fique bem informado

Comente esta notícia