Cuiabá, 12 de Agosto de 2022
logo

19 de Dezembro de 2017, 13h:06 - A | A

PAPO RETO / FRAUDES EM CONTRATOS

Selma nega devolver documentos apreendidos pelo Gaeco para a Faespe

DA REDAÇÃO



A juíza Selma Rosane Arruda, da Vara Especializada Contra o Crime Organizado, os Crimes Contra a Ordem Tributária e Econômica e os Crimes Contra a Administração Pública, indeferiu  o pedido feito pela defesa da Fundação de Apoio ao Ensino Superior Público Estadual (Faespe) que queria a devolução dos documentos apreendidos pelo Gaeco durante a Operação Convescote, deflagrada em junho deste ano.

Conforme a magistrada, “compulsando os autos, verifica-se que os documentos apreendidos ainda interessam às investigações. Assim, tenho que o pedido de restituição de bens, não merece ser acolhido”.

A investigação do Gaeco mostrou que integrantes da organização criminosa conseguiram desviar dos cofres do Tribunal de Contas do Estado (TCE), da Assembleia Legislativa e da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Prefeitura de Rondonópolis, nos anos de 2015 e 2016, R$ 3 milhões por meio de empresas de ‘fachada’, usadas pela Faespe, alvo da Operação Convescote.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

>>> Receba notícias no Telegram e fique bem informado

Comente esta notícia