facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 15 de Julho de 2024
15 de Julho de 2024

23 de Novembro de 2017, 10h:51 - A | A

PAPO RETO / ESCÂNDALO DOS GRAMPOS

Coronel Zaqueu e cabo Gerson completam 6 meses na cadeia

DA REDAÇÃO



Presos no dia 23 de maio, o ex-comandante da Polícia Militar no Estado, coronel Zaqueu Barbosa, e o cabo Gerson Corrêa completam seis meses na cadeia por participação no esquema de interceptações telefônicas ilegais em Mato Grosso, conhecido como “Grampolândia Pantaneira”.

Zaqueu e Gerson são acusados de serem os principais operadores do esquema no núcleo militar da organização criminosa e são os únicos que continuam presos.

Zaqueu foi preso por determinação do juiz da 11ª Vara Criminal Marcos Faleiros, que apontou que seria ele o mandante das interceptações telefônicas que tiveram ilegalmente como alvo políticos, advogados, agentes públicos e jornalistas, por terem suas linhas telefônicas inseridas em pedido de interceptação telefônica, como se fizessem parte de uma quadrilha de tráfico de drogas internacional, da qual participariam policiais.  

Gerson é acusado de ter assinado o pedido de autorização para que políticos, empresários, jornalistas e advogados tivessem os telefones grampeados entre os anos de 2014 e 2015, em lista de investigação de tráfico internacional de drogas.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Comente esta notícia