Cuiabá, 02 de Outubro de 2022
logo

15 de Novembro de 2013, 10h:03 - A | A

VARIEDADES / EX-NADA

Deborah Secco reclama que de cantor religioso o ex virou pop star

A atriz solta farpas para o fato de quererem aparecer às suas custas

O Fuxico



À revista Contigo, Deborah Secco disse que nunca houve um namoro de fato com o cantor gospel Alysson Castro, com quem ficou três meses. Ela ainda reclama que o rapaz usou o relacionamento para aparecer mais que ela.

“Arrumo um carinha para dar uns beijinhos, aí o menino, de cantor religioso, já vira um pop star. O cara estava me dando um beijinho, virou namorado, noivo, e já estava para casar? Quem disse? Eu nunca disse. Tadinho... Eu falei que era namorado? Nunca falei. As pessoas falavam, ele falava, mas eu não. As pessoas querem aparecer. Aí vão entrevistar os homens e eles acham que estão famosos”, reclamou Debora, se referindo ao ex-affair.

Deborah ainda reclamou das constantes especulações sobre seus romances.

“Toda hora inventam um namorado para mim. Qualquer pessoa que eu conheço e com quem saio, já vira meu namorado. Assim fica difícil eu realmente arrumar um”, reclama.

Por fim, a atriz comentou sobre o desejo de ser mãe depois dos 35 anos.

“Não sei quando, mas serei mãe. Mesmo que tenha de adotar. Eu sempre tive vontade, desde pequena. E eu sempre pensei em ser mãe depois dos 35. Nunca antes. Eu falava que seria mãe aos 37. Eu era muito certa disso. Quando eu era nova, sempre falava que até aos 35 ia me dedicar a ser uma boa atriz e, depois, me dedicar a ser mãe”.

Comente esta notícia