Cuiabá, 06 de Outubro de 2022
logo

15 de Novembro de 2013, 08h:23 - A | A

NACIONAL / UFC

Dana White: Belfort vai disputar o cinturão, e luta pode ser no Maracanã

Dirigente confirma disputa de título após ficar impressionado com atuação contra Henderson e diz que luta pode ser no mesmo card que Wand x Sonnen

COMBATE



O presidente do UFC, Dana White, havia prometido que Vitor Belfort lutaria pelo cinturão caso vencesse Dan Henderson em Goiânia no último sábado. O carioca fez sua parte com um nocaute no primeiro round, e o dirigente confirmou sua promessa nesta quinta-feira, após a coletiva de imprensa do UFC 167: Belfort vai enfrentar o vencedor da revanche entre Chris Weidman e Anderson Silva.

- Vitor vai receber a chance pelo cinturão. Eu estou impressionado com o Vitor. Ele tem sido um "pé no saco" por muito tempo e lidar com ele é sempre interessante, mas como você pode não respeitar o que esse cara tem feito? Esse cara tem sido perseguido por causa do TRT e vários outros lutadores também fazem uso de TRT. É legal, as pessoas estão usando e TRT não te faz chutar melhor, não te faz dar chutes rodados. O Vitor tem se tornado um lutador cada vez mais completo. Ele tem sido esse cara difícil de lidar, mas repleto de talento e com um explosivo poder de nocaute. Vitor vai viajar por aí e montar seu camp aqui ou ali e meio que faz o seu próprio negócio, está treinando os talentos que ele descobriu. Parece melhor do que nunca. Ele tirou o Dan Henderson do chão quando o acertou com aquele upper e, depois disso, ainda o acertou com o chute enquanto Dan ainda estava levantando. Isso é uma coisa de outro nível! Eu mal posso posso esperar para o que vem pela frente para o Vitor - disse White aos jornalistas presentes, em bate-papo após a coletiva.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Além disso, o presidente afirmou que o Maracanã era uma possibilidade para a realização da disputa, e especulou ainda que poderia acontecer no mesmo card que a luta entre treinadores do TUF Brasil 3, Wanderlei Silva e Chael Sonnen, cuja sede e data ainda estão indefinidas.

Nesta quinta-feira, durante seminário em sua academia na Barra da Tijuca, Belfort havia afirmado que sonhava com uma luta pelo título no estádio, que foi palco da luta de vale-tudo entre Hélio Gracie e o judoca Masahiko Kimura em 23 de outubro de 1951.

Belfort vem de cinco vitórias nas últimas seis lutas, sendo sua única derrota um desafio de última hora contra o campeão dos pesos-meio-pesados, Jon Jones. O carioca disputou o cinturão dos pesos-médios em 2011, quando foi derrotado pelo então campeão Anderson Silva. Ex-campeão da categoria até 93kg e do torneio dos pesos-pesados no UFC 12, Vitor Belfort tem um cartel de 24 vitórias e 10 derrotas no MMA.

Comente esta notícia