Cuiabá, 01 de Dezembro de 2022
logo

11 de Dezembro de 2016, 15h:20 - A | A

GERAL / ESTRADA DA CHAPADA

Teste de bafômetro isenta motorista de embriaguez; acidente ocorreu por ultrapassagem

O motorista do Celta tentou uma ultrapassagem forçada na rodovia e bateu de frente com Uno, que vinha no sentido contrário.

FRANCISCO BORGES
DA REDAÇÃO



O delegado Jefferson Dias, titular da Delegacia de Delitos de Trânsito de Cuiabá (Deletran), voltou atrás e disse que o motorista do veículo Celta, Bruno Mendes Rojas, provável causador do acidente, que deixou oito pessoas feridas na manhã deste domingo (11), na MT-251, não estava bêbado, como declarou anteriormente.

A retratação do delegado ocorreu após o resultado do teste de bafômetro feito pelo motorista, que não constatou álcool naquele momento.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

No entanto, conforme Jefferson, o motorista do Celta teria confessado que ele bebeu “uma lata de cerveja”.  

Conforme o delegado, Bruno forçou uma ultrapassagem, em local proibido quando bateu de frente com o Uno, que vinha na direção contrária.

Os passageiros do Celta e do Uno ficaram presos às ferragens e precisaram ser retirados pelo Corpo de Bombeiros.

Para o resgate, a pista ficou completamente interditada durante horas.

O carro de Bruno transportava, além dele, uma mulher e um casal no banco traseiro. No Uno estava um casal de idosos na frente, e outro casal no banco traseiro.

Todos foram socorridos e encaminhados ao Pronto Socorro de Cuiabá pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que mobilizou três viaturas para a ocorrência.

Agentes da Perícia Oficial de Identificação Técnica (Politec) e da Deletran permaneceram no local até a abertura da pista. O tráfego, neste momento, está normalizado.  

Leia mais

Batida entre Celta e Uno deixa oito feridos na MT-251; veja as fotos

Motorista de Voyage arrisca manobra e provoca 3 mortes na estrada de Chapada

Reprodução

whatsapp delegado

 Em grupo de WhatsApp delegado diz que bafômetro não constatou álcool.

Comente esta notícia