Cuiabá, 02 de Julho de 2022
logo

Quinta-feira, 23 de Junho de 2022, 18h:11 - A | A

ESTÃO SEGURAS E SAUDÁVEIS

Mãe e filha são encontradas em Cuiabá e não querem voltar para casa

Erika Regina Lopes da Silva de 40 anos, e sua filha Maria Clara Lopes da Silva, de apenas 6 anos, estão em um local seguro, vivas e bem

JOÃO AGUIAR
DO REPÓRTER MT

Erika Regina Lopes da Silva, de 40 anos, e sua filha Maria Clara Lopes da Silva, de apenas 6 anos, que estavam desaparecidas desde a última quarta-feira (15), foram localizadas nesta quinta-feira (23), em Cuiabá.

De acordo com o Núcleo de Pessoas Desaparecidas (NPD) da Polícia Civil, elas estão em um local seguro, vivas, bem alimentadas e saudáveis. A Polícia Civil não divulgou mais detalhes, porque as duas não pretendem voltar para a própria casa, na região do Coxipó.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

>>> Receba notícias no Telegram e fique bem informado

Mãe e filha desapareceram há oito dias, quando a mulher, que tem esquizofrenia, saiu com a menor da casa onde vivem, no bairro Coxipó do Ouro, e não deu mais notícias.

Leia mais sobre o caso

Mulher com esquizofrenia e filha de 6 anos estão desaparecidas em Cuiabá

Familiares registraram o desaparecimento das duas apenas na terça-feira (21), seis dias após sumirem. Eles relataram que Erika estava se recusando a tomar os remédios para controlar a doença e tinha fugido de casa com a filha.

Também revelaram aos investigadores que a mulher já saiu de casa em outras oportunidades, mas essa é a primeira vez que ela foge com a menina.

Comente esta notícia