Cuiabá, 02 de Julho de 2022
logo

Quarta-feira, 22 de Setembro de 2021, 07h:49 - A | A

RECUPERAÇÃO JUDICIAL

Administradora Judicial solicita alteração no Projud para garantir celeridade em processos

m pedido similar já foi deferido pela Corregedoria-Geral do Estado de Goiás, também atendendo a pedido da administradora.

DA ASSESSORIA

image

A Dux Administração Judicial, administradora com sedes em Goiás e Mato Grosso, protocolizou, junto à Corregedoria-Geral do Estado do Mato Grosso, Pedido de Providências para que sejam disponibilizados no sistema Projud e PJD os instrumentos necessários para assegurar a preferência legal à tramitação dos processos de recuperação judicial e falência. Um pedido similar já foi deferido pela Corregedoria-Geral do Estado de Goiás, também atendendo a pedido da administradora.

A solicitação tem como base os artigos 75, § 1º e 79, da Lei de Recuperação de Empresas e Falências (Lei n° 11.101/2005). O primeiro destaca que “o processo de falência atenderá aos princípios da celeridade e da economia processual, sem prejuízo do contraditório, da ampla defesa e dos demais princípios previstos na Lei nº 13.105/2015”. E o segundo determina que “os processos de falência e os seus incidentes preferem a todos os outros na ordem dos feitos, em qualquer instância”

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

>>> Receba notícias no Telegram e fique bem informado

“A celeridade na tramitação processual é essencial nos casos de insolvência, tanto para os credores, que precisam ver seus créditos satisfeitos o mais rápido possível, quanto para o devedor, que deve ter a oportunidade de regularizar a sua situação e voltar para a atividade empresarial de forma célere. Desta forma, o deferimento à solicitação será de extrema importância para o andamento de todo o processo de enfrentamento de instabilidade financeira, e também fundamental para que mais empresas possam retomar, o quanto antes, suas atividades”, comenta Alexandry Chekerdemian Sanchik Tulio, sócio-diretor da Dux Administração Judicial Mato Grosso.

Sobre a Dux Administração Judicial
A Dux Administração Judicial possui vasta experiência na condução de processos de recuperação judicial e falência, com abrangência sobretudo nos estados de Goiás e Mato Grosso. É voltada exclusivamente para o auxílio do Poder Judiciário no gerenciamento de processos dessa natureza. Para desempenhar seu trabalho, possui equipe multidisciplinar, composta por advogados especializados em diversas áreas do direito, auditores, contadores, administradores de empresas e corpo de colaboradores técnicos específicos. A Dux Administração Judicial tem como sócios os advogados Diogo Siqueira Jayme, Gustavo Cabral Filho e Alexandry Chekerdemian.

Comente esta notícia