Cuiabá, 08 de Fevereiro de 2023
logo

30 de Novembro de 2022, 11h:47 - A | A

POLÍCIA / EM VÁRZEA GRANDE

Motorista de aplicativo dá golpe em passageira e transfere R$ 1 mil para conta da namorada

Suspeito transferiu mil reais da conta da vítima, ao oferecer para ajudá-la, que não tinha prática em lidar com o aplicativo bancário e tem problema na visão

THAÍS BEMFICA
DO REPÓRTER MT



Um motorista de aplicativo foi preso após tranferir R$ 1 mil de uma passageira, 53 anos, na segunda-feira (28) em Várzea Grande.  O homem teria efetuado a operação para a conta da namorada, após uma corrida realizada no domingo (27). Ele foi indiciado por estelionado pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf).  Após a prisão, o valor foi recuperado. 

Aos policiais, a vítima contou que solicitou uma corrida por aplicativo do bairro Vila Arthur até sua casa, no bairro São Mateus, em Várzea Grande. Segundo ela, o motorista conduzia um Chevrolet Cobalt e a levou no destino. No momento de pagar, ao perguntar se ele aceitava cartão, diante da resposta negativa, ela sugeriu pagamento via pix, mas alegou não saber fazer a operação e não estar enxergando bem.  

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

O motorista, então, se ofereceu para realizar a tranferência para a vítima, que confiou e entregou o celular para ele com o aplicativo do banco desbloqueado, bem como a senha para que o pix fosse realizado. 

Como o motorista estava demorando para realizar a tranferência, alegando que o sinal da internet estava fraco, ela sugeriu pegar dinheiro emprestado com um vizinho. Mas o motorista recusou e insistiu no pagamento online. Assim que a transação foi feita, o celular foi devolvido para a passageira entrou em casa. No entanto, ao invés de transferir R$ 33,02, valor real da corrida, ele transferiu R$ 1.000,00 da vítima para sua namorada. 

Com as informações da transação, a Polícia Civil conseguiu localizar a mulher que recebeu o valor, que confessou ter recebido uma ligação do companheiro dizendo que transferiria R$ 1 mil para sua conta. Mais tarde, eles voltaram a conversar, momento em que o homem pediu para que ela transferisse R$ 500 para ele.

Ao ser questionada se sabia que o valor era resultado de golpe, a mulher afirmou que sabia, mas que não tinha informaçções de como o mesmo era aplicado. Ainda segundo ela, essa teria sido a terceira vez que o namorado transferia valores para a conta bancária delaA mulher foi autuada em flagrante por estelionato, detida, encaminhada à delegacia, onde devolveu todo o valor para a vítima.

Ao saber, através de familiares, que uma equipe da delegacia estava à sua procura, o homem fugiu, mas quando tomou conhecimento da prisão da namorada, se apresentou e, inicialmente, negou os fatos e alegou que tudo não passava de um mal entendido. Disse que a corrida ficou em R$ 35,00 reais, e que a vítima tinha apenas 25 reais e que fez a transferência de apenas dez reais para a conta de sua namorada. Porém, ao ser confrontado sobre as provas, ele acabou confessando o crime. 

Segundo informações, durante o interrogatório, o motorista se mostrou frio e sem demonstrar arrependimento. Além de responder por estelionato, o homem tem duas condenações criminais anteriores por roubo majorado e homicídio qualificado. 

Comente esta notícia

Raquel 30/11/2022

Está difícil eh!! Presidente luladrão ninguém prendeu e nem questionaram o luladrão roubou trilhões e ainda soltaram pra roubar mais o nosso dinheiro o Alexandre de Moraes pior bandido advogado dos piores bandidos do mundo está no poder,o Brasil é um país de bandidos e não tem juízes no Brasil,prende somente bandidos que rouba pouquíssimo tem que ser preso e merece uma surra de fio de energia pra aprender roubar nem uma agulha,agora os chefes de quadrilha tinha que morrer queimados para outros aprender não roubar,tem que ter cadeira elétrica no país,mais o Brasil,tem povo honestos,e aí vem o luladrão ensina os adolescentes que pode roubar,MST tomar as fazendas do povo que trabalhou e prosperou,o luladrão manda o MST invadir queimar e todos raios presos e não toma vergonha de matar esses MST porque o luladrão tem todos grandes nas mãos é muitos dinheiro enfiou nas mãos,o STF o luladrão disse se ele for presos vá juntos com ele todos do STF,o Brasil não tem leis pois todos amigos do luladrão são presos e soltos.

1 comentários

1 de 1