facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 21 de Junho de 2024
21 de Junho de 2024

12 de Novembro de 2022, 14h:10 - A | A

PODERES / CENA DO CRIME

Equipe de transição de Lula tem ex-ministros denunciados e presos na Lava Jato e Zelotes

DO REPÓRTER MT



O presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT) escalou para sua equipe de transição ex-ministros e políticos que já foram presos ou denunciados por corrupção nas operações Lava Jato e Zelotes, como Guido Mantega e Paulo Bernardo.

Mantega foi ministro da Fazenda e do Planejamento e ex-presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Ele foi indicado para compor o grupo técnico de planejamento, orçamento e gestão da equipe de transição.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Em 2016, ele foi preso em uma das fases da operação Lava Jato pela suspeita de ter pedido um pagamento de R$ 5 milhões ao empresário Eike Batista. O dinheiro teria sido repassado a marqueteiros do PT para quitação de dívida de campanha eleitoral da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) em 2010.

O ex-ministro também foi acusado de crimes na operação Zelotes. Na época, o Ministério Público Federal (MPF) o denunciou por corrupção, advocacia administrativa tributária e lavagem de dinheiro por uma autuação tributária imposta ao grupo Cimento Penha no valor de R$ 57,7 milhões.

Já Paulo Bernardo foi ministro do Planejamento e das Comunicações. Ele foi preso em 23 de junho de 2016 em uma operação que foi desdobramento na Lava Jato por ter recebido ao menos R$ 7 milhões de um esquema de corrupção, segundo o MPF.

Outro membro da equipe de transição é Paulo Okamotto, ex-presidente do Instituto Lula e do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), que estará no grupo técnico de pequena empresa.

Em 2005, foi denunciado pelas CPIs dos Bingos e do Mensalão de ter pago uma dívida de R$ 30 mil de Lula e não declarar a origem desses recursos. O caso segue sem solução. 

Comente esta notícia

Mariana 13/11/2022

Interessante ????????, mas esperar oque? Ministros e um novo presidente todos presos juntos ????????. Faz o L

positivo
0
negativo
0

Adriana 13/11/2022

Nada demais, o bandido tem que escalar os comparsas mesmo.

positivo
0
negativo
0

Amarildo 12/11/2022

Waldemar da Costa Neto é o que pra bozoiada????? Esse site é pífio...chora ou surta...

positivo
0
negativo
0

beto cenedesi 12/11/2022

É a quadrilha vai voltar com força total.

positivo
0
negativo
0

4 comentários

1 de 1