facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 23 de Junho de 2024
23 de Junho de 2024

08 de Novembro de 2022, 12h:00 - A | A

GERAL / EXPÔS FALTA DE EPI

Último vídeo de Marília Mendonça vai parar em processo trabalhista

Imagens da cantora embarcando antes do acidente foram usadas para mostrar falta de equipamento de proteção em funcionários

THALYS ALCÂNTARA
METRÓPOLES



O famoso último vídeo de Marília Mendonça, no qual ela aparece embarcando no avião a caminho de Caratinga, em Minas Gerais, onde morreu horas depois em um acidente aéreo, parou em um processo trabalhista.

Isso porque as imagens flagram dois funcionários da empresa PEC Táxi Aéreo, dona do avião em que estava Marília, manobrando a aeronave na pista sem usar equipamentos de proteção individual (EPIs).

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

O vídeo foi anexado em uma ação que o ex-funcionário Cristiano Rodrigues entrou contra a empresa por ter sofrido um acidente de trabalho ao manusear um aparelho usado na manobra do avião, que estaria inapropriado. Ele também reivindicou direitos trabalhistas que não teriam sido pagos.

Cristiano foi operador de voo da PEC Táxi Aéreo entre agosto de 2020 e fevereiro de 2022. O acidente dele aconteceu em março de 2021 e deixou uma cicatriz permanente na testa do então funcionário, que também acumulava o serviço de higienização e manobra em solo das aeronaves. Ele não é um dos funcionários que aparece no vídeo de Marília, mas trabalhava no local na mesma época. Leia mais em METRÓPOLES

Relembre o vídeo:


Comente esta notícia