Cuiabá, 09 de Agosto de 2022
logo

16 de Dezembro de 2017, 14h:18 - A | A

ENTREVISTA / VEJA VÍDEO

'Não se faz oposição contra o Governo, mas contra Pedro Taques', dizem analistas

De acordo com Onofre Ribeiro e João Edisom, no Estado políticos não usam a aposição contra o Governo, mas, sim, para atingir o governador.

RAFAEL DE SOUSA
DA REDAÇÃO



Os analistas políticos João Edisom e Onofre Ribeiro avaliam que em Mato Grosso o bloco político contrário a Administração Estadual não faz oposição ao Governo, mas, sim, ao governador Pedro Taques (PSDB).

Para chegar a essa conclusão, segundo os analistas, basta perceber que na oposição só existem pessoas que não gostam de Taques e, por isso, os atacam diretamente.

“A oposição que existe são de pessoas que não gostam do governador, não é do Governo, e isso é pontual. Muitos não gostam porque não beneficiou sua categoria. Então a política está no pessoal”, explicaram João Edisom e Onofre.

No entanto, esse fato aumenta as chances do governador se reeleger em 2018 para mais quatro anos de mandato, mesmo com o forte desgaste que vem enfrentado devido à crise econômica. Outro ponto positivo que pode contribuir muito para que o tucano saia vencedor do pleito do próximo ano, caso seja novamente candidato ao Palácio Paiaguás, é o fato de já estar no cargo.

“Quem detém o poder, tem o poder e, neste caso de eleição, você não pode ignorar quem tem o poder. (...) Taques tem todas as chances [de se reeleger] porque não tem adversário. Além disso, quem está no poder, obtém vantagem no discurso em cima de um povo que faz filosofia e político em boteco depois de bêbado, porque quando estão sóbrios falam sobre futebol”, observam.

Onofre Ribeiro e João Edisom destacam, ainda, o momento de crise constitucional, o Pacto Federativo, financiamentos absurdos para obras desnecessárias que, inclusive, puxaram o índice de popularidade de todos os governadores do país para baixo.

Eles falam ainda sobre os segmentos que Taques precisa manter como aliados e a manutenção do grupo que ajudou a elegê-lo em 2014 governador do Estado.

Veja o vídeo:

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Comente esta notícia

Henrique 18/12/2017

Professores voces precisam colar mais no povo. O tipo de oposição analisado pelos senhores está incompleta. O Povo Matogrossense está consciente da necessidade de RENOVAÇÃO tanto no Executivo quanto no legislativo.

1 comentários

1 de 1